O início de um novo ano é uma excelente altura para fazer um balanço e para realizar aquelas consultas que passa a vida a adiar. Saiba quais são os especialistas a procurar nos próximos meses.

Ao fazer as suas resoluções para o novo ano, inclua na sua lista de prioridades para os meses que se avizinham um check-up à sua saúde. Esta é uma excelente altura para realizar aquelas consultas e aqueles exames que passa a vida a adiar. Se ainda não os agendou, é melhor começar a preparar-se para o fazer. Poderá vir a ser a sua melhor decisão e a mais sábia resolução de 2018 porque, como sabe, com a saúde não se brinca!

Exame oftalmológico

Deve ser feito com regularidade, idealmente todos os anos. A partir dos 40 anos, mesmo que não tenha nenhuma dificuldade na visão, deve realizar um para prever, entre outros problemas, o risco de glaucoma, uma doença ocular que pode levar à cegueira. Repita este procedimento de diagnóstico todos os anos, sobretudo se tiver diabetes. Se usa óculos ou lentes de contacto, verifique a graduação.

Colonoscopia

Este exame deve ser feito com regularidade a partir os 50 anos ou, quando há história familiar de cancro coloretal, aos 45 anos. É o procedimento de diagnóstico que deteta lesões malignas ou pré-malignas no intestino que permite avaliar a existência de sintomas de cancro coloretal. Repita a cada dez anos ou a cada cinco, em caso de histórico de doença familiar.

Densitometria óssea

É recomendado a partir dos 65 anos. É o exame que mede a densidade dos ossos. No caso de fraturas vertebrais ou da anca e/ou de magreza excessiva, este exame deve ser feito mais cedo. Depois da menopausa, há uma perda de massa óssea abrupta e este é o exame que permite diagnosticar a osteoporose. Repita a cada dois anos, se tiver osteoporose e se estiver a fazer tratamento.

Ler + na fonte
CategoryNews
Write a comment:

*

Your email address will not be published.

Se encontrar um erro, por favor contacte: webmaster